A mulher de Virgem

Dedicada por demais ao lar e ao seu homem, a mulher de Virgem representa a estabilidade da vida matrimonial.
Como Geres, da mitologia, será muitíssimo laboriosa e dará sempre à casa um clima de abundância. Ela é o trigo, o pão de cada dia.
Às vezes impulsiva, pois seu planeta regente, que é Mercúrio, a faz nervosa e inquieta, terá, não obstante, toda a calma necessária para cuidar do seu companheiro e prodigalizar-lhe carinho e aconchego.
Não dará ao seu cônjuge muitos filhos, pois é, astrologicamente, semi-estéril, em conseqüência do fluxo astral lhe incidir sobre o ventre. Mas permitirá que seu par se beneficie dos frutos do seu trabalho e será para sempre solidária nos seus esforços e aspirações.
Fisicamente parecerá atrativa, embora suave, como a Virgem. Jamais será um tipo fatal, provocante ou carnal, como a mulher de Touro, por exemplo.
Não raro as mulheres de Virgem se desequilibram psiquicamente, depois de certa idade, o que as leva a uma confusão de sentimentos muito grave, tornando impossível toda e qualquer convivência em harmonia. Esse estado mercurial, que se acentua na menopausã, deve ser estudado com cuidado por especialistas, psiquiatras ou psicólogos.

Signo Virgem